brainfoodPesquisas recentes têm mostrado a importância de uma boa alimentação para o cérebro. Isso mesmo. Comer bem não significa apenas tentar evitar algumas doenças e, muito menos, se preocupar apenas com o espelho e a balança. Cientistas têm apontado que para manter o cérebro jovem é preciso tomar algumas medidas, como melhorar o estilo de vida. A obesidade e o acúmulo de colesterol nas artérias, e com ele a diminuição do fluxo sanguíneo para o cérebro, são extremamente prejudiciais. Por outro lado, nutrientes como o ômega 3 e as vitaminas D e B12 podem reduzir os prejuízos provocados pela idade.

A atividade física também é fundamental, ainda segundo os especialistas, para estabelecer um melhor fluxo sanguíneo para o cérebro. Ela ainda atua na liberação de proteínas que estimulam o crescimento e a manutenção de conexões neurais.

Pedimos ao nutricionista Júlio Aquino, membro do American College of Sport Medicine e do Institute of Functional Medicine, uma lista com dez alimentos que ajudam no funcionamento da nossa “máquina”.

 

  1. NOZ

A noz é rica em fósforo, essencial para a formação de energia na célula nervosa. Sem ele, a célula não consegue formar neurotransmissores, o que pode ocasionar problemas de saúde, como depressão e ansiedade.

  1. QUEIJOS BRANCOS 

Ricos em proteínas e sódio, estes alimentos ativam nosso cérebro. Ele é recomendado principalmente para quem tem cansaço mental. Seu consumo também diminui a incidência da depressão.

  1. LEITE E DERIVADOS

Esses alimentos são ricos em cálcio, mineral importante para a atividade excitatória do cérebro. É muito bom para quem tem depressão, mas é preciso tomar cuidado: para pessoas ansiosas, a ingestão pode aumentar o quadro de ansiedade.

  1. BATATA DOCE

Rica em cromo, ajuda a aumentar a entrada de glicose na célula cerebral – e a mantê-la. Desta maneira, fornece energia para os neurônios.

  1. AVEIA 

Tem grande quantidade de lisina, um aminoácido inibitório do sistema nervoso. Desta maneira, ela relaxa o corpo e dá a sensação de prazer. Boa opção para quem tem ansiedade e insônia.

  1. BETERRABA 

Este vegetal é rico em taurina que, assim como a lisina, tem efeito inibitório do sistema nervoso. Tem ação na formação dos neurotransmissores que relaxam o corpo. Aumenta o foco e diminui a ansiedade.

  1. CACAU

Rico em zinco, este vegetal age na síntese e reparo do DNA. Faz com que os tecidos cerebrais sejam reorganizados e atua como intermediário em substâncias que produzem neurotransmissores.

  1. BANANA 

Rica em potássio, esta fruta tem a capacidade de adequar a transmissão nervosa, ou seja, ela tem o potencial de inibir o sistema nervoso, deixando a pessoa mais calma.

  1. CASTANHA DE CAJU

Oleaginosa rica em arginina, que tem efeito de abertura dos vasos sanguíneos. Isso faz com que o sangue chegue mais rápido nos tecidos cerebrais, nutrindo-os com vitaminas e minerais importantes para a formação de neurotransmissores.

  1. ACELGA

Rico em magnésio, este vegetal age na formação de energia para o cérebro. Facilita a transmissão nervosa e ajuda a prevenir depressão e ansiedade.

Fonte: Estadão