As mudanças em desejo e comportamento sexual pelo ciclo da vida toda são normais. Isto é especialmente real para os idosos. Algumas pessoas acreditam no estereótipo de que os mais velhos não têm vida sexual. Mas na realidade, muitas pessoas permanecem sexualmente ativas ao longo de suas vidas.

A intimidade e conexão são ainda importantes mais tarde pela vida. O melhor prognosticador do interesse e atividade sexual quando na fase idosa pode ser a freqüência da atividade sexual quando se é mais novo. Se o sexo é central ao próprio estilo de vida e felicidade aos 30 anos de idade, provavelmente ainda será importante aos 60 anos de idade.

Ao longo dos anos, o próprio “apego” ao parceiro pode se tornar mais importante do que a “atração”. E é possível medir a satisfação do relacionamento mais em termos de afeto, segurança, e compromisso, do que a realização sexual.

A idéia é aprender como o envelhecimento pode afetar os próprios hábitos sexuais, e passos que se pode tomar para aproveitar a vida sexual segura e satisfatória à medida que se envelhece.

Por Que o Desejo e Comportamento Sexual mudam?

Quando a atividade sexual diminui ou cessa para os homens mais velhos, as causas comuns incluem:

  • falta de desejo, geralmente resultante de medicamentos
  • dificuldades em manter uma ereção
  • saúde geral precária

Causas Comuns para declínio da atividade sexual entre as mulheres mais velhas incluem:

  • falta de desejo, geralmente resultante de medicamentos
  • mudanças hormonais associadas com menopausa
  • perda de um parceiro

Embora o próprio interesse em atividade sexual possa continuar em idade avançada, as pessoas tendem a ter menos relações sexuais conforme envelhecem. Algumas doenças e deficiências podem também obrigar o indivíduo a tentar diferentes posições para relação sexual. Isto pode ser desagradável para algumas pessoas, enquanto outras se divertem.

Como Manter a Vida Sexual Satisfatória?

As seguintes estratégias podem ajudar a aproveitar uma vida sexual satisfatória conforme envelhecer.

  • Permanecer apto sexualmente
    • Os homens que têm estimulação peniana freqüente possuem uma experiência mais fácil em obter e manter ereções. As mulheres que têm estimulação freqüente genital e clitoriana têm melhor lubrificação própria. Para ajudar a permanecer “apto sexualmente”, isso pode ajudar a se masturbar ou dar prazer a si. A masturbação é uma parte normal da vida sexual saudável.
  • Explorar Estimulação Sexual
    • A vida sexual satisfatória envolve mais do que apenas a relação sexual. É também sobre intimidade e toque. E são atividades que todos podem se beneficiar. Mesmo se estiver doente ou tiver deficiências físicas, é possível se envolver em atos íntimos e se beneficiar da proximidade física.
    • Se livrar da pressão por expandir a própria idéia do sexo para incluir mais do que a penetração e orgasmo. A estimulação sexual é o termo usado para descrever uma variedade ampla de experiências eróticas que não incluem sexo com penetração.
    • É sobre prazer e intimidade. Não se apressar, relaxar, e aproveitar a experiência do toque sensual. Muitas pessoas ficam bastante satisfeitas ao dividir fantasias sexuais, com leitura erótica, carícias, e beijos.
  • Melhorar a Comunicação
    • Conforme o corpo e sentimentos mudam com a idade, é importante comunicar os seus pensamentos, medos e desejos com o parceiro. As pessoas às vezes assumem que seus parceiros sabem o que as mesmas gostam na cama. Mas isso nem sempre é verdade.