Enquanto aqui no Brasil ainda discutimos a legalidade do Uber e de outros serviços similares, nos Estados Unidos a novidade é acabar com os motoristas. Esta opção começou a funcionar no último dia 14 de setembro e os veículos têm tecnologia laser, câmeras e sensores.

 

uber1

Carros do Uber que se locomovem sem motoristas se posicionam para demonstração do serviço em Centro de Tecnologias Avançadas do Uber, em Pittsburgh, nos EUA, (Foto: Gene J. Puskar/AP)

Após desagradar taxistas mundo afora, o Uber cria um serviço que promete deixar bravos, para não dizer outra coisa, seus próprios motoristas. A empresa de transporte individual lançou nesta dia 14 de setembro uma modalidade de carros que dispensam condutores, um passo que pode revolucionar o setor.

A experiência será conduzida em Pittsburgh, no estado da Pensilvânia, nos EUA. Uma pequena frota de veículos que possui sensores como tecnologia laser e câmeras sairá às ruas e estará à disposição dos clientes do Uber que optarem pelo programa de teste.

A iniciativa de oferecer corridas com carros autônomos ocorre menos de quatro meses após o Uber anunciar o início da circulação, em fase de teste, desses automóveis pela cidade norte-americana.

A experiência parte do Centro de Tecnologias Avançadas do Uber e é feita com carros modelo Ford Fusion híbrido.

Imaginem um mundo sem motoristas em geral, não só de taxi e que muitas vezes são desagradáveis e mal educados. Não seria o paraíso ?

 

Veículo do Uber que dirige sozinho não precisa da intervenção do motorista. (Foto: Divulgação/Uber)

Veículo do Uber que dirige sozinho não precisa da intervenção do motorista. (Foto: Divulgação/Uber)